Blog / Notícias

Ecopistas disponibiliza Central de Informações sobre o prolongamento da rodovia Carvalho Pinto

Em datas variadas, a central percorrerá bairros nos quais a obra será realizada

             A Ecopistas, empresa que administra o corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto, a partir desta quinta-feira (20), disponibilizará uma Central de Informações itinerante para os interessados em tirar dúvidas sobre o prolongamento da rodovia Carvalho Pinto até a Oswaldo Cruz, que dá acesso à cidade de Ubatuba, no litoral norte paulista. A obra é uma das exigências previstas no contrato de concessão da Ecopistas, firmado com o Governo do Estado de São Paulo em junho de 2009.

Durante o atendimento, que se estenderá até o dia 28 de fevereiro, os visitantes poderão visualizar o traçado do prolongamento e receberão uma cartilha com informações sobre a rodovia e suas características, licenciamento e programas ambientais, cadastramento de áreas e propriedades. Além disso, o material contempla informações sobre as fases da obra e dos canais disponíveis para contato com a Ecopistas.

A Central de Informações funcionará entre 13h e 19h, em localidades variadas, conforme cronograma abaixo:

 

Dias 20 e 21/02 – Estrada Municipal João Cândido de Oliveira, próximo à Hípica Viola;

Dias 24 e 25/02 – Estrada do Boracéia, altura do nº 2.830, no Jd. Cataguá;

Dias 26/02 – Chácara Dallas, próximo à Estância Taubaté;

Dia 27/02 – Via de acesso 15, altura do número 870, na Chácara Ingrid;

Dia 28/02 – Rua Um, próximo à estação da Petrobras, no Jd. Cataguá.

 

Para alertar a população local sobre a disposição da Central de Informações, a Ecopistas distribuirá folhetos e implantará faixas na região.

 

A obra

O prolongamento da rodovia Carvalho Pinto até a Oswaldo Cruz, que tem como objetivo dar mais agilidade ao deslocamento do motorista e aliviar o tráfego nas vias urbanas de Taubaté e na via Dutra, será realizado em três fases. A primeira delas contempla a implantação de um viaduto de saída do trecho existente da via, no km 126,5, em área já desapropriada pelo Governo do Estado de São Paulo e, portanto, pertencente à faixa de domínio da rodovia.

Essa fase já foi iniciada, com serviços preliminares, tais como a limpeza do terreno para montagem do canteiro de obras e terraplanagem.

A segunda fase – que compreende o trecho entre o trevo de saída e a área próxima ao cemitério – e a terceira – entre o cemitério e a rodovia Oswaldo Cruz -, apenas serão iniciadas após emissão das Licenças de Instalação dos respectivos trechos e da liberação das áreas que serão afetadas, o que pode ocorrer ainda neste semestre.

 

Assessoria de Imprensa

Ian Fori

Tatianne Souza

www.twitter.com/ecopistas

www.ecopistas.com.br

Categoria: Ecopistas. Compartilhe: permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>